terça-feira, 30 de junho de 2009

Com uma ajudinha de meus amigos:


O que você pensaria se eu cantasse desafinado
Você se levantaria e sairia em mim ?

Me empreste suas orelhas e eu cantarei uma canção para você

E eu tentarei não cantar fora de tom

Oh, consigo com uma pequena ajuda de meus amigos

Eu me levanto com uma pequena ajuda de meus amigos

Tentarei com uma pequena ajuda de meus amigos


O que eu faço quando meu amor está longe

Te preocupa estar só?

Como eu me sinto ao final do dia?

Você está triste porque você está sozinho
Não, eu consigo com uma pequena ajuda de meus amigos

Eu me levanto
com uma pequena ajuda de meus amigos
Tentarei com uma pequena ajuda de meus amigos


Você precisa de alguém?

Eu preciso de alguém para amar

Pode ser qualquer pessoa?

Eu quero alguém para amar


Você acredita em amor à primeira vista?

Sim, tenho certeza que isto acontece toda hora

O que vê você quando apaga a luz?
Eu não posso te contar mas eu sei que é meu


Oh, consigo com uma pequena ajuda de meus amigos

Eu me levanto com uma pequena ajuda de meus amigos

Tentarei com uma pequena ajuda de meus amigos


Você precisa de alguém?

Eu preciso de alguém para amar

Pode ser qualquer um?

Eu quero alguém para amar
Oh, consigo com uma pequena ajuda de meus amigos

Eu me ponho alto com uma pequena ajuda de meus amigos

Tentarei com uma pequena ajuda de meus amigos

Sim eu consigo com uma pequena ajuda de meus amigos

Com uma pequena ajuda de meus amigos


The Beatles

Coments: Este é para todos que se consideram meus amigos, em especial a essa pessoa maravilhosa, sinGUHlar, meu orGUHlho! Meu Guh!!!!!!!!!!!!!!!!!!

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Only time will tell?


Nada como o tempo passar, não é?
O tempo passa, as pessoas mudam ((espero que sempre para melhor)). Eu mudei! E quero acreditar que para melhor. Sou uma pessoa que se valoriza, que não precisa mais abaixar a cabeça e aceitar qualquer coisa. Agora sou mais eu.
E o mais importante, para se esquecer alguém, ou ao menos se "desenfeitiçar", nada como o tempo ((e conhecer outra pessoa)).
Fiquei muito feliz diante do acontecido de hoje. Conversamos, e só!
Lógico que ele não mudou, continua com as mesmas chatices e besteiras de sempre, mas eu não preciso ouvir mais. Posso e devo mostrar minha opinião, e o mais importante, não dar a mínima para o que ele acha ou deixa de achar.

Parece óbvio agora, mas não preciso mais disso. Mesmo que eu esteja me metendo em uma ((ou duas)) roubada pior ainda, essa ao menos eu superei.
Nada como o tempo!

BJu!

sábado, 27 de junho de 2009

Férias!!!!!!!!!!!!


Sinto muito, Michael, mas nem sua morte prematura tirou minha satisfação e felicidade diante deste momento mágico: Minhas primeiras férias da faculdade!

Para comemorar, vou tentar fazer um resumo básico de como foi este primeiro período. Lá vai:
No primeiro dia de aula foi um "pé d'água" só, mas compensou e muito. Conheci duas pessoas adoráveis que me cativaram pra sempre, primeiramente foi a Nina ((tava tão molhada quanto eu)), que menina mais legal, ela gosta de música e toca bateria!!!
Passaram-se alguns minutos e próximo a puxar papo foi o Guh, com seus belos olhos azuis ((hehehe)). Pronto, tava feito!

Com o passar do tempo, fui conhecendo mais o pessoal, e tinha um menino lá, um tal de André que vivia chamando a Nina e eu pra fazer um monte de coisa, e eu pensava, que menino doido, mas ele é legal!
A cada dia que passava, me apaixonava mais por aquela sala, aquele pessoal, cada um legal a sua maneira. Logo foi a vez da Josi se infiltrar, daí fechou! Éramos 5 grudados. Mas foi justamente aí que começou a história de panelinha... daí começou a ficar meio chato! Mas como vimos que não tinha jeito mesmo, assumimos: é panela que vocês querem? É panela que vocês terão! O mais legal é que, a partir daí, pude contar com gente muito legal e compreensiva sempre do meu lado, tanto pra fazer trabalhos, como pra sair e divertir, quanto pra me ajudar, ouvir e consolar.
Daí veio o advento do trabalho interdisciplinar: O documentário da discórdia!
Já não bastava a dificuldade de tudo, povo palpiteiro do capeta, eu e Josi quase loucas, ainda vem gente dando piti pra "ajudar" ainda mais a situação...

No final, apesar disso, tudo deu certo, não tiramos 35, mas tiramos 34. Tá bão demais!
Daí, no decorrer do semestre ainda teve perfil da sala hackeado, e-mails apagados, muito choro, muito suor... Muita pegação da Josi...
Aos 43 minutos do segundo tempo, viemos a conhecer um carinha caladão, que fazia uma matéria só com a gente, e usava sempre camisas de banda. Como uma pessoa assim não poderia ser legal? Foi só o estágio da Josi começar e logo ficamos conhecendo ((e adquirimos)) o Daniel.
Pronto! Daí foi só farra! Conversas nonsense sobre música e muito mais.
Estamos felizes assim. Mas continua.
Aguardem a próxima temporada!

BJu!

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Tentando esquecer alguém...


Postado originalmente em 31/03/2008.

É bem mais difícil do que parece. Por mais que você tente substituir sentimentos nostálgicos por raiva e saudade por indiferença, você não consegue. E cada pequena coisinha te faz lembrar algo que logo faz seu coração acelerar e seu rosto ruborizar, dá um friozinho no estômago e uma "pontada" no peito. O que acaba te deixando com muita raiva de si mesma e consequentemente, triste. Tristeza, aliás, se torna um lugar comum. Ver um casalzinho junto te deixa triste, uma música te deixa triste, uma brisa fria te deixa triste, uma simples menção a pessoa e você já quer voltar pra sua cama, cobrir sua cabeça com o edredom e chorar até pegar no sono.

E você vai tentando esquecer, por mais doído que seja, por mais que no fundo você não queira. E segue enfrentando a vontade de ligar e pedir, pedir não, implorar pro alguém voltar, daí você cai em si e sente mais raiva de si mesma e, de novo, triste.


Parece não ter fim...

BJu!

Coments: Ontem foi um porre: a chuva fez lembrar, Roupa Nova fez lembrar, até "sertanojo" fez lembrar... Cacete!

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Oração dos Estressados ((Panelinha de Pressão))


Senhor, dê-me serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar.
Coragem para mudar as coisas que não posso aceitar, e sabedoria para esconder os corpos daquelas pessoas que eu tiver que matar por estarem me enchendo o saco.

Também me ajude a ser cuidadoso com os calos em que piso hoje, pois eles podem estar diretamente conectados aos sacos que terei que puxar amanhã.

Ajude-me sempre a dar 100% de mim no meu trabalho...
12% na segunda-feira, 23% na terça-feira, 40% na quarta-feira, 20% na quinta-feira e 5% na sexta-feira...
E... ajude-me sempre a lembrar, quando estiver tendo um dia realmente ruim e todos parecerem estar me enchendo o saco, que são necessários 42 músculos para socar alguém e apenas 4 para estender meu dedo médio e mandá-lo para aquele lugar...

Que assim seja!!!

Viva todos os dias de sua vida como se fosse o último. Um dia você acerta...


Luís Fernando Veríssimo.

Coments: Quero acreditar que tá tudo nublado assim devido ao stress de fim de período... Gosto muito de vocês pra ver tudo "desgringolado" assim...
BJu!

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Faith No More Reunited!


Que maravilha não foi quando abri o orkut e nas atualizações dos amigos, vi no perfil do Adriano ॐ. Papa um vídeo postado da volta triunfante da melhor banda na minha opinião, o Faith No More!
Quão emocionante não foi assistir a este vídeo ((e outros)).
Fiquei cantando a plenos pulmões, quase tendo um ataque ((ainda bem que estava sozinha em casa...)). O show foi aberto com uma música lentinha, de instrumental desconhecido, então, eis que surge ele, o homem, o mito: Mike Patton em pessoa. ((De bengala e óculos fingindo cegueira)).
Besta demais!

E qual não foi a surpresa ao perceber que a música em questão era Reunited ((música composta por D. Fekaris e F. Parren-agora não me perguntem quem canta, é alguma dupla americana...))?
Lindo e besta! Bem FNM mesmo!
Todos eles já bem tiozinhos... Também, a idade chega pra todo mundo, né? Até estranho ver... Mas o Mike... ah, o Mike... Eu ainda pego, ah se pego!
Adoro banda bem-humorada, que sabe rir de si mesma, e essa, para mim, é a beleza do Faith No More!
No aguardo de notícias sobre a vinda da banda ao Brasil.

BJu!

Mais feliz!!!!!




quarta-feira, 17 de junho de 2009

Amooooooooooooo minha van III


Aff... Pensei que agora que o semestre está acabando as coisas ficariam mais fáceis... Ledo engado! Na ida, tem todo o aparato tecnológico para abrir a porta ((RONALDO!)). Puxa araminho de cá, empurra de lá... ritual de boiolagem, sem comentários. E quando música sertaneja não impera, tem o melhor: Malhação! Com a tv que chia e não pega... Se bem que um dia tava passando Programa do Ratinho ((melhor de tudo!))
Mas voltando ao "sertanojo", na ida é a tal da Indy FM, rádio sertaneja de... Cláudio! Mereço, né?
E na volta? Calma que melhora ainda mais! Tv na van, passando o quê? O quê? O quê? DVD de sertanejo universitário!
Alinhar ao centro Maravilha!
Adooooooooooooooooooooooro!
Ninguém aqui vai merecer BJu!

OS 11 MANDAMENTOS PARA OS JORNALISTAS


1 – Lembrem-se: há jornalistas que gostam de notícias e outros de dinheiro. Saibam em qual dos dois vocês se encaixam.
2 – Jornalistas são trabalhadores. Nunca se esqueçam disso e do que significa.

3 – Jornalistas se perdem no turbilhão do cotidiano. Quando isso ocorrer, respirem. A respiração é a mais divina propriedade humana.

4 – Olhem, vejam as nuances das coisas. Caso precisem usar os cotovelos, façam-no, mas respirem e depois olhem.

5 – Jornalistas são contadores de história. Saibam identificar boas histórias e transformar em boas histórias nem tão boas assim.

6 – Não parem. Descubram um caminho e vão nele até o fim. Lembrem-se de repetir a fruição dos clássicos.

7 – Aprendam a escrever. Ninguém sabe, mas podemos continuar tentando.

8 – Conversem – não entrevistem. Fontes não são objetos.

9 – Aprendam a xingar seus editores. Mas façam-no na frente deles.

10 – Desconfiem. Depois disso, confiem profundamente.

11 – Vivam. Vocês só são humanos. Olhem em volta, vejam que há outros. E respirem.


Professor Gilson Raslan
17/12/2007

Que lindo!
Pessoas "Los Hermanos" às vezes têm suas utilidades...

Frio, muito frio, arrrrrrrrrrrrrr...

Originalmente postado em 12/05/2008.

A-D-O-R-O sentir frio! Adoro meu pijama verde de calça e manga comprida, meu edredon de quase 5 cm de espessura ((exagero... mas ele é bem quentinho)). Adoro calçar meias e ficar debaixo das cobertas assistindo tv. Adoro dormir e comer com esse tempo, pena que não posso fazê-lo o tempo todo, mas que é bom é!

Você sai às ruas e é todo mundo tão elegante, de casacos e botas, nada de barriga ou pernas de fora.

Dá aquela vontade de ficar agarradinho a alguém... ai... ai...

Meu inverno passado foi tão bom! Nesse quesito, 2007 matou a pau 2008 ((2009 nem se fala!))...

Mas vou tentar não me preocupar tanto com isso. Tenho outros problemas mais desafiadores no momento. Mas vou aproveitar os fins de semana com edredons quentinhos, pipoca salgadinha e achocolatado saindo fumacinha...

BJu!

Coments: Ah, o ano passado! Que ano bizarro! Há um ano atrás estava fazendo tantas coisas a primeira vez ((um ano de tattoo, ôba!)) Continuo adorando o frio, principalmente quando não o sinto em Ermida... Agora, que "outros problemas mais desafiadores no momento" seriam estes, meu Deus? O que pode ser mais desafiador do que 3 trabalhos para o mesmo dia, sendo 2 destes do Raslan? Vai saber...

terça-feira, 16 de junho de 2009

Diversas formas de se fazer notícia:

Diferentes Maneiras De Contar A Mesma História.

Chapeuzinho Vermelho na imprensa:

JORNAL NACIONAL
(William Bonner): ‘Boa noite. Uma menina chegou a ser devorada por um lobo na noite de ontem…’
(Fátima Bernardes): ‘… mas a atuação de um caçador evitou uma tragédia’..

PROGRAMA DA HEBE

(Hebe Camargo): ‘… que gracinha gente. Vocês não vão acreditar, mas essa menina linda aqui foi retirada viva
da barriga de um lobo, não é mesmo?’

BRASIL URGENTE

(Datena): ‘… onde é que a gente vai parar, cadê as autoridades? Cadê as autoridades? ! A menina ia para a casa da vovozinha a pé! Não tem transporte público! Não tem transporte público! E foi devorada viva…. Um lobo, um lobo safado. Põe na tela!! Porque eu falo mesmo, não tenho medo de lobo, não tenho medo de lobo, não.’

REVISTA VEJA

Lula sabia das intenções do lobo..

REVISTA CLÁUDIA

Como chegar à casa da vovozinha sem se deixar enganar pelos lobos no caminho.

REVISTA NOVA

Dez maneiras de levar um lobo à loucura na cama.

O ESTADO DE S. PAULO

Lobo que devorou Chapeuzinho seria filiado ao PT.

O GLOBO

Petrobras apóia ONG do lenhador ligado ao PT que matou um lobo para salvar menor de idade carente.

AGORA

Sangue e tragédia na casa da vovó.

REVISTA CARAS

(Ensaio fotográfico com Chapeuzinho na semana seguinte)
Na banheira de hidromassagem, Chapeuzinho fala a CARAS: ‘Até ser devorada,eu não dava valor para muitas coisas da vida. Hoje sou outra pessoa.’

PLAYBOY

(Ensaio fotográfico no mês seguinte)Veja o que só o lobo viu.

REVISTA ISTO É

Gravações revelam que lobo foi assessor de político influente.

G MAGAZINE

(Ensaio fotográfico com lenhador) Lenhador mostra o machado.

SUPER INTERESSANTE

Lobo mau! mito ou verdade ?

DISCOVERY CHANNEL

Vamos determinar se é possível uma pessoa ser engolida viva e sobreviver.


Coments: Este é das antigas, tinha mó cara que estava atrás, então roubei do especialíssimo

http://sofismo.wordpress.com/ Acessem!

domingo, 14 de junho de 2009

E.T. , telefone pra mãe ligar, casa do André...


Mais um episódio de Arquivo X. Os agentes do FBI, Mulder e Scully vão até Divinópolis, MG-Brasil, para investigar o misterioso caso de 5 alienígenas que desceram ao nosso planeta e invadiram uma festa de 15 anos.
Os aliens, por incrível que pareça, ao invadirem a festa para talvez pesquisar o comportamento humano, se depararam com outra raça também alienígena ali infiltrada.
Ao invés de se degladiarem, as duas raças decidiram se unir para um fim em comum, foi quando se dirigiram aos humanos da festa e declararam: leve-me ao seu bolo.
Com pedaços de bolo, docinhos, salgadinhos e refrigerantes abduzidos, ele embarcaram a nave-mãe e seguiram para seu planeta natal.

Invasores de marte!
BJu!

sábado, 13 de junho de 2009

Era uma vez...





















Era uma vez....
...uma menina que apesar de se achar abençoada por muitas coisas em sua vida, sentia que algo estava faltando.
Ela simplesmente não entendia como as outras pessoas conseguiam encontrar tão facilmente suas metades. Ela não compreendia porque sua vez nunca chegava e tentava analisar a si própria e aos seus atos para tentar achar suas falhas. Mas simplesmente, nada fazia sentido...
Se achava bonita, mesmo porque, muitos já haviam lhe dito isso, se achava inteligente, se achava legal, mas nada disso parecia agradar a ninguém, ou pelo menos não a quem ela queria.
Tentava ser diferente para agradar, não dava certo, tentava ser ela mesma, não dava certo.
Então, diante de tantas desilusões, o coração dela foi ficando apertadinho, apertadinho. Já quase sem forças para lutar, ela começou a perder a esperança. E começou a ficar com medo, medo de que cada vez mais as coisas fizessem menos sentido. Ficou apavorada com a possibilidade de nunca fazer parte da vida de alguém, de nunca poder, sequer, tentar fazer alguém feliz...
Sentindo-se uma espécie de "ferramenta social sem utilidade", hoje ela vaga por aí, apenas sobrevivendo, num mundo cheio de vida, assistindo a tudo através de suas verdes vidraças, tentando entender...

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Quem pensa sozinho é doido!


Quando era mais nova ((há alguns poucos anos atrás)), pensava que eu era maluca, pois não tinha cabimento, ninguém pensava como eu! Ao menos ninguém de outros convívios sociais que não fossem de casa ((porque pra mim-e até hoje acho isso-o povo de casa era doido que nem eu...))
Ninguém dividia comigo os meus gostos ou as minhas expectativas, nem sequer respeitavam, ao passo que era obrigada a saber tudo sobre Sandy e Júnior ((nojinho))... Agora passados estes tais "alguns poucos anos", me encontro, finalmente, próxima a pessoas que se não gostam do mesmo que eu, ao menos respeitam meu gosto, sem piadinhas.
Mas, felicidade maior é poder discutir certos assuntos com uma pessoa, assuntos os quais você nunca poderia antes discutir com ninguém sem ser questionado ou criticado. Descobri que existe gente legal como eu ((humildade com H maiúsculo e dourado)), primeiro na net ((o Ju, o Renato, agora o Carlos)), mas ainda assim, precisava ver pra crer. Agora eu sei que existe! E se tem gente que pensa como eu, não penso mais sozinha, portanto, não sou doida! Mais feliz em descobrir isso!
BJu a todos vocês!

((ao semelhantes: Nina, Deh, Ramon, Daniel, Amanda))
((aos respeitosos: Guh, Josi))
((aos doidos da família: papai, mamãe, Paula, Nando e Mari))

quarta-feira, 10 de junho de 2009

A Via Láctea


Quando tudo está perdido
Sempre existe um caminho

Quando tudo está perdido

Sempre existe uma luz

Mas não me diga isso

Hoje a tristeza não é passageira

Hoje fiquei com febre a tarde inteira

E quando chegar a noite

Cada estrela parecerá uma lágrima

Queria ser como os outros

E rir das desgraças da vida

Ou fingir estar sempre bem

Ver a leveza das coisas com humor

Mas não me diga isso!
É só hoje e isso passa...

Só me deixe aqui quieto
Isso passa.
Amanhã é outro dia

Não é?

Eu nem sei por quê me sinto assim

Vem de repente um anjo triste perto de mim

E essa febre que não passa

E meu sorriso sem graça

Não me dê atenção

Mas obrigado por pensar em mim.

Quando tudo está perdido

Sempre existe uma luz

Quando tudo está perdido

Sempre existe um caminho

Quando tudo está perdido

Eu me sinto tão sozinho

Quando tudo está perdido

Não quero mais ser quem eu sou.

Mas não me diga isso

Não me dê atenção

E obrigado por pensar em mim...


Legião Urbana

terça-feira, 9 de junho de 2009

: (


Por que estou assim?
Não era pra eu estar feliz, sentindo "borboletas no estômago" ou "friozinho na barriga"? Ao invés disto, sinto uma tristeza incômoda, que me remete a momentos tristes pelos quais já passei e acho que nunca esquecerei.
Engraçado como o dia começou tão bom, foi tão legal e divertido...
Agora termina assim, melancólico, triste.
Não quero ficar assim, quero sorrir, quero me sentir bem, quero me sentir amada, quero voar!
Já sofri tanto, não era hora de eu ser feliz?
Por que esse momento não vem?
O que há de errado comigo?
Será que isso passa?

...

Momento RONALDO!!!!

**Não sou melhor do que ninguém, mas com certeza sou quem tem as melhores companhias!**

sábado, 6 de junho de 2009

I'll Stand By You


Oh, Why you look so sad?
Tears are in your eyes

Come on and come to me now

Don't be ashamed to cry

Let me see you through

Cause I've seen the dark side too.

When the night falls on you

You don't know what to do

Nothing you confess
could make me love you less
I'll stand by you
I'll stand by you
Won't let nobody hurt you

I'll stand by you

So,

If you´re mad, get mad
Don't hold it all inside

Come on and talk to me now

But hey, what you've got to hide

I get angry too

But I'm a lot like you

When you're standing at the crossroads

Don't know which path to choose

Let me come along
Cause even if your wrong...

I'll stand by you

I'll stand by you

Won't let nobody hurt you

I'll stand by you

Take me in into your darkest hour

And I'll never desert you

I'll stand by you

And when,
When the night falls on you baby

You´re feeling all alone

Walking on your own

I'll stand by you

I'll stand by you
Won't let nobody hurt you

I'll stand by you

Take me in into your darkest hour

And I'll never desert you

I'll stand by you

I'll stand by you

Won't let nobody hurt you

I'll stand by you

Won't let nobody hurt you

I'll stand by you

I'll stand by you

Won't let nobody hurt you

I`ll stand by you


The Pretenders

Coments: Para Nina, minha Me-Nina!

Epic