segunda-feira, 4 de maio de 2009

A insustentável leveza do ser de Milan Kundera

"Torturava-se com recriminações, mas terminou por se convencer de que era no fundo normal que não soubesse o que queria: nunca se pode saber aquilo que se deve querer, pois só se tem uma vida e não se pode nem compará-la com as vidas anteriores nem corrigi-la nas vidas posteriores. Tudo é vivido pela primeira vez e sem preparação."

Trecho do Livro A insustentável leveza do ser de Milan Kundera surrupiado do blog Sofismando.

BJu!

Epic