domingo, 25 de abril de 2010

Ode aos vocalistas


Como prometido, aqui estou eu, para falar desta vez sobre os vocalistas.
Mas, saibam vocês ((meia-dúzia de gente que me acompanha)) que este é um assunto deveras prolixo, então hoje me aterei apenas uma classe de vocalistas, os entertainers. E confesso que não posso me aprofundar muito no assunto, porque se falo de entertainers, falo de shows ao vivo, porque não dá pra saber como um cara é no palco ouvindo um disco de estúdio, entonces...
Sem falar que show ao vivo de grandes bandas, posso contar nos dedos quantos vi...

Primeiro show que vi na minha vida de gente famosa ((mando um alô pro Wendel e suas trocentas bandas - mal de baixista, né, Thiago? - Os Barbados, Elfos Negros, Barões de Mauá...)) foi o Tianastácia no estacionamento da Funedi. O Tianastácia tem dois vocalistas, é meio confuso, mas flui, pena tocarem Conto de Fraldas 16.587 vezes.

A primeira Festa da Cerveja ninguém esquece, né? Então, minha 1ª vez com o Bezerro ((kkkkkkkk)) foi ver Supla e Engenheiros. 2 shows em um dia é sempre bom! Fato: o Supla é doido! De tudo! Mas ainda assim, sabe comandar o palco e um bando de gente nada a ver com nada consta, que sabe-se-lá-Deus o que tava fazendo ali no show dele... Pensei que ia morrer, mas ele soube guiar o show direitinho. Engenheiros é um caso de amor sério. Tantas quantas vezes eles puderem vir a Divinópolis, eu irei assisti-los, simplesmente porque os adoro ((viu, Raslan?)). E todo mundo reclama do Humberto Gessinger no palco, que ele não conversa, que ele não fala nada. Eu simplesmente A-D-O-R-O! Partamos do pressuposto de que paguei pra ouvir música e não falação... mas o que vocês querem também, o cara toca baixo, guitarra, gaita, teclado, sanfona, gaita de foles, seria exigir demais dele ser um puta entertainer também. Mas o Humberto é acima de tudo um cara inteligente. Ele é caladão, mas quando fala, ele projeta pérolas! E que péroloas! Adoro gente que guarda o melhor! ((Nossa!)) Até hoje já vi 3 shows dos Engenheiros e ainda quero ver um do Pouca Vogal, projeto novo.

Não posso deixar de falar de Pitty! Já vi 3 shows dela também. E confesso que sempre antes de seus shows, dou uma tremidinha nas bases, já que a moça tem fama de não ser fácil, mas ela sempre me alenta! Principalmente baseando no 1º show dela que vi, na Fenacer de 2007, quando o som pifou! Achei que ela iria chilicar e quebrar tudo, o que se ouviu foi: _Vocês não tão me ouvindo? Mas eu tô ouvindo vocês. Agora vocês vão ouvir e berrou no microfone de forma a estremecer aquela arena!
Meu orgulho! Menina super poderosa. Quando crescer vou ser assim!

Falando em Fenacer, a do ano passado teve Skank, e por incrível que pareça, nunca tinha ido a um show deles. Muito bom, convincente, só não gosto das odes ao cruzeiro... Falando em odes, a falação do Falcão d'O Rappa é de "brochar" qualquer um...

Frejat também já vi, ele é lindo e tudo o mais. Manda bem e tudo mais, pena que as pessoas não saibam quietar "as piriquitas" pra ver um show, mas vou tirar a prova dia 01/05 agora. Tenho certeza de que ele não vai me decepcionar!

Agora, o melhor de todos, o mais mais, o excelente, o estonteante, o maior entertainer de todos os tempos é ele: MIKE PATTON! ((novidade!)) Gente, não é puxa-saquismo, mas o cara é O cara! Ver um show deles é maravilhoso, o cara fala em português com a gente, zoa o time da gente, guia o nosso coro, nossa coreografia, grita, urra, assovia e chupa cana, roda no palco sem ficar tonto e não desafina nunca! Nunca! O cara canta pra caralho! Simplesmente impressionante! Show do FNM não preciso nem dizer que é altamente recomendável. Quando tiver uma banda, não aceito um vocalista que seja menos que um Mike Patton, e se acaso for vocalista de uma banda, não aceito menos que ser um Mike Patton! O verdadeiro Entertainer!

Obs.: ainda falarei dos vocalistas que cantam... hehehe

BJu pra quem não tem vergonha de soltar a voz!

Epic