terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Entre dúvidas e insatisfações



2012 era para ser doce... era! E já era! O ano já começou em turbulências e promete ser assim até o fim. Triste, pois trata-se do meu último ano na faculdade e parece ser o mais triste e sofrido, não pelas despedidas e tccs, mas por se tratar de um ano repleto de insatisfações. Insatisfações estas que geram dúvidas, dúvidas quanto as opções que fiz. E me refiro a todas! Desde o curso, passando pela instituição até o serviço de Van. Tropeços no caminho foram vários, como quase um ano e meio desperdiçado ((incluindo fins de semana e feriados)) com algo que não aproveitarei em nada e que não foi supervisionado. Aliás, a falta de informação permeou estes 3 anos. Não tinha noção de relatório de estágio, de quantidade de tempo de um estágio, ou até mesmo a quem recorrer em caso de tais dúvidas. 

As dúvidas permanecerão, até porque ninguém parece disposto sequer a abrir um diálogo ou até parar para pensar e perceber que há algo de errado, de muito errado, e este ano que deveria ser "O ano", se tornou "O pesadelo" e junto a isso, mais e mais dúvidas. Agora, também, do tipo: como pagar a faculdade, participar ou não da formatura, persistir? Desistir? Confesso que já não tenho mais forças para acreditar. Tudo conspira contra e a descrença vai tomando conta e isso faz de você uma pessoa cada vez mais cínica e mais amarga. É triste ver todos os planos que você fez indo por água abaixo e os responsáveis permanecerem alheios a isto, como se nada estivesse acontecendo... 

Espero que ao menos o direito a insatisfação não seja tolhido!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Epic