sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Insônia



s. f.

Ausência ou falta de sono. 



Por que eu perco sono?

Motivos tenho muitos ultimamente. Começarei pelos básicos: horário de verão, pernilongos e calor insuportável.

Agora os intermediários: Ficar prolongando na Internet, trabalho de faculdade e vontade de postar no blog depois de quase mil anos.

Senhoras e senhores, com vocês os assuntos complexos que tiram o sono:
  • Fim da faculdade chegando, bicho da banca pegando, tcc rolando... tá foda! Uma agonia, vontade de acabar logo, um medo de dar tudo errado, um alívio se der tudo certo e um vazio no final das contas. Não sei explicar. É um sentimento muito estranho, afinal, foram 4 anos da minha vida! O que fazer depois disso? Uns querem casar (André), outros querem fazer uma pós (André também), outros querem continuar trabalhando felizes e satisfeitos como já estão e, por isso, pagar umas matérias que ficaram pendentes. E eu? Nem imagino! Às vezes acho que quero ficar no chão em posição fetal...
  • TCC! Que coisinha complicada. Confesso que tô cagando de medo disso. Tudo que escrevo me parece um lixo. Vejo a banca me detonando... Me vejo falhando e diante disto, perco a vontade de viver! Chessuis! Tem tanta coisa para fazer em tão pouco tempo... Será que vamos conseguir? E a apresentação? Será que a banca vai nos devorar? E a torcida contra com sua energia carregada? Vai ser maior que nossa fé, mandingas e patuás???
  • Desemprego! Tomei a decisão de deixar meu emprego estável para arriscar alto. Sofri, penei, ri, chorei, passei raiva, fiz amizades, conheci gente, ganhei dinheiro, mas acabou. Agora estou sozinha, por minha conta e... desempregada! Aí vem a confusão do tipo "não sei se caso ou compro uma bicicleta". Quero um emprego na minha área - JORNALISMO - mas aí pinta outra coisa. Aí não sei se pego essa outra coisa e ganho mais dinheiro ou se aproveito este tempo livre para me dedicar ao tcc. O foda é que preciso de dinheiro, afinal tenho ainda mais 2 boletas da faculdade para pagar... Pois é, faculdade para pagar... é aqui que eu penso "Será que fiz a escolha certa? Porque não pinta nada..." De fato, eu jurava que neste momento já estaria empregada na minha área. Me enganei totalmente... E eis que surge a maior das dúvidas, aquela que tira o sono hoje, amanhã e sempre:
  • Que tipo de profissional sou eu? Eu presto? Será que sou boa? Se sou, por que ninguém quer me contratar? Será que é meu gênio ou "meu problema de relacionamento"? Será que não soube usar meu network? Será que sou tão incompetente assim? Será que devia ter "me jogado com tudo" nos estágios? Deixado de fazer trabalhos ou ir à aula para me dedicar a eles? Afinal, quem sabe assim eu seria contratada... Será que tudo que fiz foi errado? Será que sou preguiçosa? Meu texto é ruim? Não demonstro interesse? REALMENTE NÃO SEI! 
Tudo que sei no final das contas é que não consigo dormir, os pernilongos me picam continuam a zumbir no meu ouvido, tá um calor insuportável e já são quase 3 horas de manhã...

Epic